Imprimir esta página
Quinta, 23 Julho 2020 00:17

Petroleiros e agricultores farão segunda ação do Desafio da Solidariedade

A campanha que une trabalhadores do campo e da cidade doa gás de cozinha e alimentos para famílias necessitadas. Com avanço da pandemia, o momento é de intensificar as doações

 

Em primeiro de agosto o Sindipetro PR e SC e o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) promovem segunda ação que une o campo e a cidade na periferia de Curitiba e região metropolitana. Relembre AQUI primeira entrega dos 520 botijões de gás e 15 toneladas de alimentos.  

 

Essa ação de solidariedade de classe representa a união entre trabalhadores do campo e da cidade. Ela nasceu quando dirigentes do MST e do Sindipetro fizeram o desafio de aumentar o número de doações de itens essenciais para famílias que estão em vulnerabilidade social durante à covid-19.  

 

Para o Sindipetro PR e SC essas ações ajudam a garantir alimento e gás de cozinha às famílias das comunidades. Em Curitiba a categoria já fez ações na Portelinha (Santa Quitéria); na comunidade 23 de agosto (do Osternak); no Sabará, (Cidade Industrial); e da Vila Santos Andrade (Campo Comprido).

 

Também na Associação de Moradores do Jardim Alvorada, no entorno da Refinaria Presidente Getúlio Vargas (Repar), em Araucária; e para os carrinheiros de São Mateus do Sul, nos arredores da Usina do Xisto (SIX).

 

=> Solidariedade Petroleira: multiplique essa ideia

 

Outra ação fez parte da Campanha do Agasalho. Trata-se da entrega de roupas de frio na Vila Esperança, em Paranaguá.

 

=> Campanha do Agasalho dos Petroleiros: Doe empatia e ajude o próximo

 

 

 

Bora multiplicar essa ideia e ajudar quem mais precisa!