Zenith Forex carreira Jack Daniels Melhor Forex Estratégia Forex trading para ganhar dinheiro Sistema de trade de liberalização Análise do Mercado Forex PDF Forex Mundo Cargo Filipinas Truques de negociação de opções bacanas Swing Forex Estratégia Como as Forex Centrum Forex Taxa de câmbio Dia Trading Forex Live YouTube forex utah. O leilão de swap forex é Opções binárias Rich Forex Trading. NBAD Forex Trading. Ponto Pivot Opções binárias Trading Strategy Videos Estratégia de negociação de jacaré Você tem sistema de Forexchange grupo forex Opções binárias S & P 500 Bangladesh Negociação multi estratégia Indicador de Alerta de Bollinger Bands MT4 Terminologia Forex para iniciantes PDF Forex Broker Killer 1 minuto Estratégia Barclays Zâmbia Forex. Data de Banco Estadual da Índia Forex Ramos Pune man Aprenda Forex Negociar software de sistema de negociação automática state dating laws in Sint Genesius Rode Belgium speed dating central Natal Brazil ヒマラヤ外国為替プライベートリミテッドリミテッド toerana hookup Antsirabe Madagaskar
Sexta, 12 Novembro 2021 01:33

Direção da Petrobrás anuncia a entrega da SIX para grupo canadense

Tentativa de venda da Usina do Xisto é mais um crime de lesa-pátria da gestão bolsonarista da Petrobrás. Nada está decidido e a luta contra a privatização continua.

 

 

A gestão bolsonarista da Petrobrás anunciou no início da noite desta quinta-feira (11) a assinatura do contrato para a venda da Unidade de Industrialização do Xisto (SIX), localizada em São Mateus do Sul, por US$ 33 milhões (R$ 178,8 milhões), com o grupo canadense Forbes & Manhattan Resources Inc.

 

A sanha do governo e gestores da direção da estatal em destruir a empresa é tão grande que o valor da venda da SIX não chega à metade do que a Petrobrás vai desembolsar no acordo com a Agência Nacional do Petróleo (ANP) para sanar as dívidas relativas ao não recolhimento de royalties sobre as atividades de lavra do xisto durante o período entre 2002 e 2012. A companhia concordou em fazer o pagamento de R$ 564 milhões para solucionar a questão.

 

Além do preço subestimado, o contrato firmado com os canadenses obriga a Petrobrás a comprar toda a nafta de xisto produzida na unidade por 15 anos, a enviar todo o lastro (borra de tanques de refinarias) para processamento na SIX por 12 anos e ainda a assumir o passivo ambiental identificado. A mina, por sua vez, foi cedida em comodato, ou seja, depois de 2034 a Petrobrás assumirá o passivo ambiental remanescente. Os absurdos não param por aí. O contrato ainda obriga a companhia a alugar a planta de pesquisa da unidade.  

 

Há tempos o Sindipetro Paraná e Santa Catarina denuncia toda a negociata e interesses escusos que envolvem a venda da SIX. A audiência pública sobre a dívida dos royalties, realizada pela ANP na tarde da última terça-feira (09), deixou evidente quem são os atores locais que estão diretamente envolvidos neste crime de lesa-pátria. Descarados, ainda atacaram as famílias são mateuenses de petroleiros. O tempo é senhor da razão e as patifarias da negociata, tais como lixo alçado ao mar, virão à tona.

 

Apesar do anúncio, a venda da SIX não foi concretizada e a luta contra essa entrega do patrimônio nacional vai continuar. Ainda há um longo caminho até o fechamento definitivo do negócio e o Sindicato, junto com toda a categoria petroleira, atuará em todas as frentes de batalha para impedir que a história da Usina do Xisto seja interrompida nos seus 67 anos.

 

 

Jornal Revista

Edição Nº 1418

Veja Todos os Jornais

TV Sindipetro